Designing Respect: The competition presentations

Tue, Oct 4, 2016    6:30pm

(scroll down for portuguese)

“The lack of respect, although it seems less aggressive than an overt insult, can also take offensive forms. Insults are not brandished the other person, however, nor is it gives it recognition. The person in question is not seen - as a full human being whose presence has value.” Richard Sennett

During the months of July, August and September, artists, planners, activists and citizens of the world were asked to identify what are the major gaps in the carioca capital and develop projects that could foster any kind of respect in the city. Altogether 62 projects were registered - the most varied formats, land regularization proposals for new types of trees, through gestures of affection to service the homeless posts. The most voted by the participants themselves, will be exhibited in the Museu do Amanhã between the 4th and 23rd of October and also on the website.

On October 4th, takes place the opening of RESPECT in the Museu do Amanhã and 18: 30hrs, the Studio-X Rio receives the winners Design Respect for submission of their projects, followed by a public debate.

About Designing Politics Two years ago the Theatrum Mundi / Global Street has organized the global competition designin Politics ideas whose aim is to discuss the political problems of the cities. In 2014, New York reflected on how urban interventions could encourage the use of the First Amendment of the US Constitution, to protect freedom of expression in public spaces. In 2015, the city was called London, and her design was employed to create systems and situations that would configure new spaces for common use in the city.

More details in www.designingpolitics.org


"A falta de respeito, embora pareça menos agressiva do que um insulto manifestado, pode assumir formas igualmente ofensivas. Insultos não são desferidos à outra pessoa, porém, tampouco se confere a ela qualquer reconhecimento. A pessoa em questão não é vista – como um ser humano pleno, cuja presença tem valor.” Richard Sennett

Durante os meses de julho, agosto e setembro, artistas, urbanistas, ativistas e cidadãos do mundo foram convocados a identificar quais seriam as grandes lacunas da capital carioca e desenvolver projetos que pudessem fomentar todo tipo de respeito na cidade. Ao todo foram inscritos 62 projetos – dos mais variados formatos, de propostas de regularização fundiária a novos modelos de arborização, passando por gestos de carinho a postos de atendimento a moradores de rua.

Os mais votados pelos próprios participantes, estarão expostos na mostra do Museu do Amanhã entre os dias 04 e 23 de Outubro e também no site do concurso.

No dia 04 de outubro, acontece a abertura da mostra RESPEITO no Museu do Amanhã e às 18:30hrs, o Studio-X Rio recebe os vencedores do concurso Design Respect, para apresentação dos seus projetos, seguido de um debate público.

Sobre o Designing Politics Há dois anos que a Theatrum Mundi / Global Street vem organizado o concurso global de ideias Designin Politics, cujo objetivo é discutir os problemas políticos das cidades. Em 2014, Nova Iorque refletiu sobre como as intervenções urbanas poderiam estimular o uso da Primeira Emenda da Constituição Americana, para proteger a liberdade de expressão nos espaços públicos. Em 2015, a cidade convocada foi Londres, e nela o design foi empregado para criar sistemas e situações que configurassem novos espaços de uso comum na cidade.

Mais detalhes em www.designingpolitics.org